CONTADOR GOOGLE: 16 MILHÕES DE ACESSOS!

CURTA O ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK

ASSISTANCE: PROTEÇÃO VEICULAR COM CARRO RESERVA E REBOQUE LIVRE -  (73) 98158-5607 

DISK GÁS: 77-98119-1906 (FONE/ZAP)

SUPERMERCADO ADONAI - AV. AMÉRICO NOGUEIRA, CLODOALDO

KITANDA E MERCEARIA MOTA - Direção MIRALDO MOTA

SUPERMODA - NA ALAMEDA RUI BARBOSA

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

PAX PERFEIÇÃO - QUEM É VIVO SE ASSOCIA!

PAX PERFEIÇÃO - QUEM É VIVO SE ASSOCIA!

terça-feira, 5 de novembro de 2019

GOVERNO PROPÕE EXTINGUIR MUNICÍPIOS COM MENOS DE 5 MIL HABITANTES

Às vésperas de um ano eleitoral, o governo Jair Bolsonaro (PSL) propõe fundir municípios pequenos e que têm baixa arrecadação e restringir a criação de novas prefeituras. 
A proposta consta na PEC (Proposta de Emenda à Constituição) do Pacto Federativo, entregue nesta terça-feira (5/11) ao Congresso Nacional. 
De acordo com Uol, o projeto, elaborado pelo Ministério da Economia, sugere que municípios com menos de 5.000 habitantes e arrecadação própria menor do que 10% da receita total sejam incorporados por municípios vizinhos. 
A justificativa é de que essa medida promoverá o fortalecimento da federação e maior autonomia para gestão de recursos Três deles têm menos de 1.000 habitantes, de acordo com a última estimativa, de julho de 2019: Serra da Saudade (MG), com 781 pessoas; a paulista Borá, com 837; e Araguainha (MT), com 935. 
O Brasil tem 1.254 municípios com menos de 5.000 habitantes, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A Bahia tem 10 municípios com menos de 5 mil habitantes, dentre eles a cidade de Maetinga, no Sudoeste Baiano, que de acordo com estimativa do IBGE possui apenas 3.161 pessoas. 

Fonte: G1

15 comentários:

  1. O que assistimos é o nefasto bolsolixo esfacelando (destruindo) o Brasil, o povo sendo conduzido a condição de desprezível e começando a viver de forma indignada. Tempos difíceis e nebulosos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coitado de você. Já vi que você não entende de nada mesmo.
      Os prejudicados serão só os políticos e quem vive da política partidária nesses lugares muito pequenos (Prefeitos/Vice-Prefeitos/Secretários Municipais/Vereadores/ etc. etc). Somente eles deixarão de receber seus altos salários.

      Os demais trabalhadores municipais desses lugares muito pequenos continuarão empregados normalmente, a única diferença é que receberão seus salários através de outra prefeitura sede.

      PARABÉNS BOLSONARO, JÁ É CONSIDERADO O MELHOR PRESIDENTE DO BRASIL DOS ÚLTIMOS 30 ANOS.

      Excluir
    2. Belo pensamento seu Petista. Então vc acha correto o Prefeito de ITAMBÉ (q tem + de 5 mil hab) ganhar quase 20 Mil reais e o Vice ganhar cerca de 15 Mil Reais. Deixa de ser refém do Bolsa Família e vai estudar.

      Excluir
  2. Boooooa, presidente!!!
    Com menos municípios, o dinheiro dos impostos não servirá só para pagar um monte de funcionário público.

    ResponderExcluir
  3. Divulga tbm o que o governo federal já fez até agora é está fazendo
    Redução de crimes
    Alta bolsa de valores
    Exército brasileiro nas estradas
    Juros caindo
    Economia avançando
    Tantas outras mais

    ResponderExcluir
  4. Os atuais prefeitos das cidades com população abaixo de 5 mil habitantes vão ter que fazer das tripas coração, além de maracutaias, para aumentar suas populações no censo do IBGE que será realizado no próximo ano: 2020.

    Eu, como petista roxo, já sei o que deve ser feito para driblarmos esse controle:

    1) Oferecer emprego de salário mínimo a pessoas que moram em outros municípios, desde que eles sejam "casados" e tenham ao menos 10 pessoas no grupo familiar;

    2) Driblar os recenseadores, ensinando pessoas a responderem mais de uma vez os questionários do IBGE;

    3) As outras dicas só vamos falar nas reuniões de prefeitos petistas / esquerdistas da Bahia e do nordeste.

    ResponderExcluir
  5. Parabéns mais uma vez ao nosso Presidente Bolsonaro.

    Imagine quantos MILHÕES DE REAIS por mês o Brasil vai economizar com a eliminação de salários de:

    1.254 prefeitos;
    1.254 vice-prefeitos;
    12.540 vereadores (considerando uma média de 10 vereadores por município que serão extintos);
    Fim de gastos com alugueis por desocupação de prédios onde funcionam Prefeituras, Câmaras Municipais, Secretarias, etc. etc.
    Economias com a extinção de alugueis de casas, prédios, automóveis, etc. etc.
    Economias com a extinção de roubos e desvios de dinheiro público que acontecem nesses pequenos lugares.

    ResponderExcluir
  6. isso vai ser um transtorno para a população desses municipios,de cidade passar para ser distrito de uma outra cidade é complicado,como vai ficar os funcinários publicos de Maetinga por exemplo? estão tratando o povo como se fosse gado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem cidade que já é em tese um distrito. Exames, emissão de documentos, compras tudo realizam em outra cidade. Os funcionários públicos lógicos teriam espaço pra trabalhar nos distritos, vendo que seria um grande distrito. Não afetaria em muita coisa, a não ser para os políticos xd

      Excluir
    2. PARABÉNS BOLSONARO, VOCÊ JÁ É CONSIDERADO O MELHOR PRESIDENTE DO BRASIL DOS ÚLTIMOS 30 ANOS.

      Somente quem exerce cargos e funções políticas serão os prejudicados nesses lugares muito pequenos que só dão prejuízos para a população, e dinheiro de sobra para os ricos.

      Os trabalhadores municipais desses lugares muito pequenos continuarão empregados normalmente, a única diferença é que receberão seus salários através de outra prefeitura sede.

      Excluir
  7. Não sei qual as vantagens ou desvantagem ,, mais pelo menos elimina cargos de prefeito e alguns vereadores que não produz nada e torna um município deficitário

    ResponderExcluir
  8. o governo só ferrando com o povo trabalhador pobre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que isso tem a ver com pobre?! Os únicos prejudicados serão os políticos desses municípios

      Excluir
    2. Já vi que você não entende de nada mesmo.
      Os prejudicados serão só os políticos e quem vive da política nesses lugares muito pequenos. Somente eles deixarão de receber seus altos salários. Os demais trabalhadores municipais desses lugares continuarão empregados, a única diferença é que receberão seus salários através de outra prefeitura sede.

      Excluir
    3. Belo pensamento seu Petista. Então vc acha correto o Prefeito de ITAMBÉ (q tem + de 5 mil hab) ganhar quase 20 Mil reais e o Vice ganhar cerca de 15 Mil Reais. Deixa de ser refém do Bolsa Família e vai estudar.

      Excluir

MATÉRIAS ASSINADAS , com FONTE, são de responsabilidade de seus autores.

contatos blog: whats: (77) 98128-5324

ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK