CONTADOR GOOGLE: 16 MILHÕES DE ACESSOS!

CURTA O ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK

SUPERMERCADO ADONAI - AV. AMÉRICO NOGUEIRA, CLODOALDO

KITANDA E MERCEARIA MOTA - Direção MIRALDO MOTA

SUPERMODA - NA ALAMEDA RUI BARBOSA

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

PAX PERFEIÇÃO - QUEM É VIVO SE ASSOCIA!

PAX PERFEIÇÃO - QUEM É VIVO SE ASSOCIA!

quinta-feira, 11 de julho de 2019

APROVADA A MUDANÇA NA APOSENTADORIA - O QUE VAI MUDAR? ENTENDA PASSO A PASSO DA NOVA PREVIDÊNCIA

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (10), com 379 votos favoráveis e 131 contrários, o texto-base da reforma da Previdência. A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 6/2019 prevê mudanças rigorosas para a aposentadoria. Para valer, a PEC precisa ser aprovada por 3/5 dos deputados em duas votações no plenário da Câmara, depois ser aprovada também em duas votações no Senado e passar para sanção presidencial. 
A proposta original foi apresentada no dia 20 de fevereiro, passou por aprovação na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara e seguiu para comissão especial, onde foram feitas alterações na proposta pelo relator Samuel Moreira (PSDB/SP). Nesta quarta-feira, passou pela primeira das duas etapas necessárias para aprovação na Câmara antes de seguir para o Senado.
Entenda o que muda ponto a ponto, com informações da advogada Adriane Bramante, presidente do Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário (IBDP):

Aposentadoria por idade



Como é hoje:
Homens precisam comprovar no mínimo 15 anos de contribuição e 65 anos de idade e mulheres 15 anos de contribuição e 60 anos de idade.

Como fica:
Para se aposentar, será preciso comprovar no mínimo 20 anos de contribuição e 65 anos de idade no caso dos homens e 15 anos de contribuição e 62 anos de idade no caso das mulheres.
Para receber 100% da média de salário de benefício, será preciso comprovar 40 anos de contribuição.


Aposentadoria por tempo de contribuição

Como é hoje:
Homens precisam comprovar 35 anos de contribuição e mulheres 30 anos de contribuição. Não é necessário ter um limite mínimo de idade, mas há incidência do fator previdenciário que, na prática, achata a aposentadoria de quem se aposenta mais jovem.
Para quem se aposenta pela regra 86/96, em que a soma da idade mais tempo de contribuição deve resultar em 86 anos no caso das mulheres e 96 anos no caso dos homens, não há incidência de fator previdenciário e o aposentado recebe 100% da média do salário de benefício.

Como fica:
Acaba a aposentadoria exclusiva por tempo de contribuição. Para se aposentar, será preciso comprovar no mínimo 20 anos de contribuição e 65 anos de idade no caso dos homens e 15 anos de contribuição e 62 anos de idade no caso das mulheres.
Para receber 100% da média de salário de benefício, será preciso comprovar 40 anos de contribuição.

Aposentadoria por invalidez

A aposentadoria por invalidez é um benefício devido ao trabalhador permanentemente incapaz de exercer qualquer atividade laborativa e que também não possa ser reabilitado em outra profissão, de acordo com a avaliação da perícia médica do INSS.

Como é hoje:
A pessoa que se aposenta por invalidez recebe 100% da média, sem incidência de  fator previdenciário.

Como fica:
A pessoa que tem incapacidade total para o trabalho insuscetível de recuperação irá se aposentar pelo mesmo cálculo feito para as demais modalidades de aposentadoria, ou seja, o aposentado recebe 60% da média se tiver 20 anos de contribuição, e esse valor vai aumentando 2% ao ano até chegar a 100% com 40 anos de contribuição. Apenas o aposentado por acidente de trabalho e doenças profissionais irá receber 100% da média.

Aposentadoria especial

A aposentadoria especial é um benefício concedido ao cidadão que trabalha exposto a agentes nocivos à saúde, como calor ou ruído, de forma contínua e ininterrupta, em níveis de exposição acima dos limites estabelecidos em legislação própria.

Como é hoje:

É possível se aposentar após cumprir 15, 20 ou 25 anos de contribuição, conforme o agente nocivo. A exposição deve ser contínua e ininterrupta durante a jornada de trabalho e o aposentado deve comprovar no mínimo 180 meses de contribuição para fins de carência. O aposentado recebe 100% da média, sem incidência do fator previdenciário. Não há idade mínima

Como fica:

Será preciso comprovar:

25 anos de efetiva exposição, mais 60 anos de idade;
20 anos de efetiva exposição, mais 58 anos de idade;
15 anos de efetiva exposição, mais 55 anos de idade.

Segundo a advogada Adriane Bramante, essa modalidade deve ficar praticamente impossível de ser obtida pelos aposentados.

"A reforma praticamente inviabiliza o benefício porque cria regras inatingíveis, já que a média de aposentadoria especial é de 48 anos", diz. "Estamos falando de pessoas que não conseguem trabalhar até os 60 anos de idade porque estão expostas a agentes agressivos, nocivos, não a condições normais de trabalho."

Benefício da Prestação Continuada (BPC)

Como é hoje:
O Benefício de Prestação Continuada (BPC) da Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS) é a garantia de um salário mínimo mensal à pessoa com deficiência que comprove não possuir meios de prover a própria manutenção, nem de tê-la provida por sua família.
Para ter direito, é necessário que a renda por pessoa do grupo familiar seja menor que 1/4 do salário-mínimo vigente.

Como fica:

Pela proposta inicial do governo, os idosos de baixa renda receberiam R$ 400 a partir dos 60 anos, alcançando um salário mínimo somente a partir dos 70.
 Na primeira versão do relatório na Comissão Especial: proposta retirada, com manutenção de um salário mínimo para idosos pobres a partir dos 65 anos. A proposta aprovada inclui medida para combater fraudes no BPC, com especificação na Constituição de renda familiar per capita de até um quarto do salário mínimo a partir dos 65 anos para ter direito ao benefício, admitida a vulnerabilidade de cada caso, conforme será determinado por lei, explica Adriane Bramante.


Regra de cálculo do benefício

Como é hoje

Aposentadoria por tempo de contribuição

Comprovado o tempo de contribuição necessário (35 anos para homem e 30 anos para mulher), há incidência de fator previdenciário na média salarial que, na prática, achata o valor do benefício para quem se aposenta mais jovem.
Para quem se aposenta pela regra 86/96, em que a soma da idade mais tempo de contribuição deve resultar em 86 pontos no caso das mulheres e 96 pontos no caso dos homens, não há incidência de fator previdenciário e o aposentado recebe 100% da média do salário de benefício.

Aposentadoria por idade

O valor do benefício é de 70% da média salarial, mais 1% dessa média a cada ano de contribuição. Como é necessária a comprovação de 15 anos de contribuição, no mínimo o aposentado recebe 85% da média.

Como fica:

O cálculo para as aposentadorias será unificado e o segurado deve comprovar 20 anos de contribuição e poderá se aposentar com 60% da média salarial. A cada ano de contribuição, terá acréscimo de 2% da média no valor do benefício. Para as mulheres, o acréscimo de 2% será após os 15 anos de contribuição, conforme destaque apresentado no Plenário da Câmara dos Deputados. 

Desse modo, será preciso acumular 40 anos de contribuição para ter a aposentadoria integral.


Cálculo da média salarial

Como é hoje
O INSS calcula a média salarial com os 80% maiores salários de contribuição desde julho de 1994, descartando as 20% de contribuições mais baixas. 

Como fica:
O cálculo da média salarial será feito com todos salários de contribuição desde julho de 1994, sem descartar as contribuições mais baixas. Na prática, isso vai achatar a média.

Aposentadoria rural

Como é hoje:
O trabalhador rural pode se aposentar aos 60 anos de idade para homens e 55 anos para mulheres, incluindo garimpeiros e pescadores artesanais.

Como fica:
O governo havia proposto uma mudança na idade mínima de 60 anos para aposentadoria de homens e mulheres, com 20 anos de tempo de contribuição para ambos os sexos. A mudança proposta pelo relator mantém as regras atuais, com aposentadoria aos 55 anos para mulheres e 60 anos para homens. O tempo mínimo de contribuição para homens sobe para 20 anos, com a manutenção de 15 anos para mulheres.

Pensão por morte

Como é hoje:
A pensão por morte tem o valor de 100% do benefício recebido pelo aposentado que morreu ou, caso o segurado falecido ainda não fosse um aposentado, o pensionista recebe 100% da média salarial dos 80% maiores salários de contribuição desde julho de 1994, descartando as 20% de contribuições mais baixas.
Além disso, viúvos poderiam acumular pensão e aposentadoria do INSS, podendo receber mais do que o teto.
Valor da pensão não poderia ser inferior ao salário mínimo.

Como fica:
A pensão passa a ser de 50% do valor do benefício mais 10% para cada dependente extra, totalizando no máximo 100% do valor de benefício.
Quem acumula pensão e aposentadoria recebe 100% do benefício de maior valor e terá um redutor no segundo benefício segundo a faixa salarial.
Somente quando a pensão for a única fonte de renda do conjunto de dependentes ela não poderá ser inferior ao salário mínimo.

Regras de transição


São quatro as regras de transição, o trabalhador decide qual é a mais vantajosa para si:

1) Aposentadoria por pontos
Uma das alternativas é a fórmula de pontos, resultado da soma do tempo de contribuição com a idade do trabalhador. Inicialmente, essa soma deverá atingir 86 (para mulheres) e 96 (para homens) para que se tenha direito ao benefício. Essa pontuação vai subir gradualmente até chegar ao limite de 100 (para mulheres) e 105 (para os homens) em 2033. É preciso comprovar tempo mínimo de contribuição de 30 anos para mulheres e 35 anos para homens.

2) Aposentadoria por tempo de contribuição e idade mínima
A segunda opção exige tempo de contribuição de 35 anos para homens e de 30 para as mulheres. Neste caso, também é necessário alcançar uma idade mínima, que em 2019 será de 61 para eles e de 56 para elas. A cada ano, essa idade mínima vai crescer e, em 2031, ela será de 65 para os homens e 62 para as mulheres.

3) Pedágio de 50%
Quem está a dois anos de cumprir o tempo de contribuição terá de pagar um pedágio de 50% sobre o tempo que falta para se aposentar. Isso quer dizer que, se faltarem dois anos para a aposentadoria, será necessário trabalhar três anos para ter o direito. Se faltar um ano para se aposentar, será necessário trabalhar um ano e seis meses. Essa regra prevê aplicação do fator previdenciário.

4) Pedágio com idade mínima
O segurado terá que trabalhar o dobro do que falta para se aposentar pela regra atual. Mulheres precisam comprovar idade mínima de 57 anos e os homens, 60 anos. 

fonte: RECORD - R7.com

42 comentários:

  1. Melhor pegar e matar logo o idoso essa reforma da morte acaba com o sonho de milhoes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. acaba só com o seu que deve ter uma coragem de tartaruga pra trabalhar,kkkkkk

      Excluir
    2. Fdp miseravel ja sou aposentado seu crápula fascista do caralho e além do mais trabalho 9 hs por dia seu puxa saco fdp bolsonaro vai dar tua feira fdp.

      Excluir
    3. Vá se fuder seu arrombado

      Excluir
    4. Tá aposentado e ainda trabalha 9hr por dia, e ainda tá reclamando falando mau da reforma. As vezes fico pensando o que se passa na cabeça desses brasileiros.

      Excluir
    5. relaxa coroa cuidado pra ñ infartar,kkkkkkkkkkk

      Excluir
    6. É uma prova que o aposentado pode trabalhar um pouco mais. Vc é aposentado e ainda trabalha 9 horas por dia é sinal que há condições trabalhar.

      Excluir
    7. Vc arrombado(a)deve ser um desses fdp que mama á nossas custa assim como seus político de estimação alienado deve já esta com seu burro na sombra babá ovo de político...

      Excluir
    8. Vc arrombado(a)deve ser um desses fdp que mama á nossas custa assim como seus político de estimação alienado deve já esta com seu burro na sombra babá ovo de político...

      Excluir
    9. Pra você "Anônimo" que escreve:
      "É uma prova que o aposentado pode trabalhar um pouco mais. Vc é aposentado e ainda trabalha 9 horas por dia é sinal que há condições trabalhar." Você tem problemas de compreensão ou vive num mundo de fantasia! Você pensa mesmo que uma pessoa comum aposentada, se fosse bem remunerada se submeteria à uma jornada de trabalho de 9h diárias? Por causa de pessoas de mentalidade atrasada e atrofiada é que o país entrou nessa roleta russa e só os ricos sobreviverão. Qualquer cidadão responsável por sustentar uma família, ainda que aposentado, se for o salárii mínimo, busca outra fonte honesta de renda. Melhor do que ficar em casa aposentado e abrir uma "boca" para tráfico e aliciamento de menores.
      Então "Anônimo", o fato da pessoa estar aposentada e ainda trabalhar é vergonhoso para o sistema previdenciário do país e não é demonstração de que a pessoa esteja ganhando rios de dinheiro. Se coloque no lugar do outro seu semelhante. O 2° Mandamento de Deus é: AMAR AO PRÓXIMO COMO A TI MESMO.

      Excluir
  2. O negócio e esquecer este negócio,digo nois jovens a hora de estudar,trabalhar,fazer o pê de meia logo porquê esperar aposentadoria para rir atoa nois não pega mais não... Eu mesmo jã vou ali si virar nos 30 fui

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estudar? Isso para pobre, JÁ ERA!
      Agora TODOS, inclusive as crianças, terão que trabalhar para ajudar no sustento da casa. Pra quem votou no presidente e tem filhos menores, crianças, saibam que ele APÓIA O TRABALHO INFANTIL. Mas você deve estar muito feliz porque na sua casa, TODOS TERÃO QUE TRABALHAR ATÉ MORRER, da criança ao idoso. PARABÉNS PELA "MUDANÇA"!

      Excluir
  3. O nome correto não será mais aposentadoria, passará se chamar "AUXÍLIO FUNERÁRIO" isso é Brasil.

    ResponderExcluir
  4. A justiça de Deus tá vindo ai

    Os grandes e os poderosos ,não conseguiram fugir da justiça de Deus, no grande dia .

    Só então saberam quem é Deus.

    O senhor julgará as nações, e todo joelho se dobrará diante dele , todo joelho , e cada um receberá oque lhe é de direito .

    Toda essa corrupção será julgada , toda sujeira será limpa ,

    ResponderExcluir
  5. O pior que tem trabalhadores assalariados comemorando a própria derrota, a reforma da previdência passar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sofreram lavagem cerebral e agora não conseguem pensar.

      Excluir
    2. As formigas e baratas fazendo propaganda de inseticidas, assim são os pobres que votaram em Bolsonaro e agora sem entender paxorras, dizem apoiar a reforma da previdência.
      Enquanto isso... O abismo só aumenta entre as classes sócio econômicas. Como diz a mùsica: "o rivo cada vez fica mais dico e o pobre cada vez fica mais pobre. O motivo todo mundo já conhece, é que o de cima sobe e o de baixo desce!"

      Excluir
  6. A aposentadoria para comprar o caixão!! #GovernoLixo. Ainda tem pobre comemorando

    ResponderExcluir
  7. ESSAS MUDANÇAS JÁ PASSAM A VALER PARA OS QUE ESTÃO OU PARA OS QUE VÃO SE APOSENTAR?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para quem já está aposentado tudo permanece como estar. Já são direitos adquiridos. Em direitos adquiridos não se mexe.

      Excluir
  8. Isto que da votaram em bosanario agora quero ver por ela não tirou dos dela que eles não tiram não um centavo só tira dos pobres meus deus que será de nós Brasil reclamou demais pelo menos lula roubou mais nunca tirou dos pobres

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que raciocínio esse seu,a currupcao todos os dias mata as filas dos hospitais,deixam milhares de pessoas analfabetas para,se ele roubou tem que pagar

      Excluir
    2. Amigo...isso não cabe só a Bolsonaro não...kd os senadores e deputados do PT que não fizeram nada...não votaram contra. Eles é que votam. Mas preferem ganhar o deles e mandar o povo se lascar. Quando eles recebem pra votar a favor, não lembram de vc que votou nele não.

      Excluir
    3. Com certeza vc votou em Haddad, para escrever tão corretamente desse jeito. Kkkkkkkk

      Excluir
    4. E vc certamente é rrsponsável pela eleição desse retardado mental e de toda a corja que surrupiou escancaradamente os direitos dos trabalhadores! Deves estar muito feliz com as "mudanças". Espero sinceramente que você e toda sua família tenham vida longa e desfrutem do que semeou.

      Excluir
  9. Absurdo 1/4do salário mínimo pra deficiente vai da 238 reais por mes meu deus o que sera de nos que temos criancas especiais um salario nao da nei pra paga uma cosulta pelo um nurologista que a cosulta e 400 reias agora que o que sera de nos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tempos difíceis viram conseguiram acaba com nossos direitos será um Brasil com mais pessoas na miséria e o mais triste vê pessoas feliz com isso não dá p entender o porquê de algumas pessoas ficarem feliz com essa reforma só Deus por nós e mais nada

      Excluir
  10. Quero saber da liberação do FGTS ativo.

    ResponderExcluir
  11. Gente, o q precisamos fazer é nos confessar publicamente o Senhor Jesus Cristo como nosso único e suficiente salvador das nossas almas, assim sempre teremos esperança para um novo tempo, um novo céu e uma nova terra.
    "O justo viverá pela fé"; e n pela lógica humana dos corruptos, a justiça de Deus n tarda e nem tão pouco falha.amém!

    ResponderExcluir
  12. Sempre achei que Itapetinga tinha uma galera retardada, mas depois de Bolsonaro eu tenho certeza! Bolsominios o que pensam? onde vivem? eles existem? vejam domingo no "MUNDO BIZARRO".

    ResponderExcluir
  13. Ninguém pode mudar, o Brasil, nem Bosolnaro, nem Haddad, ninguém tem voto errado.... Foda-se Bolsonaro e foda-se Haddad, foda-se reforma

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade...dias difíceis virão, isso é profetico

      Excluir
  14. Eles dizem que para o Brasil entrar nos eixos precisa dessa reforma eu vejo um bocado de hipócritas apoiando essa baboseira porque eles não mexem no salários deles nas mordomias que eles tem gente dada pelo cargo que eles ocupam auxílio moradia auxílio viagens fora o salário gordo que recebem ainda recebem por fora outras mordomias a aposentadoria deles gente pelo amor de Deus nessa reforma só quem perde são os pobres que morrem de trabalhar para dar vida boa para esses uns Brasil precisa acordar e lutar por seus direitos.vamos para as ruas vamos lutar

    ResponderExcluir
  15. Não intendo porque querem ferra com os mais pobres será que tá todo mundo cego agente colocou aqueles desgraçados no poder p isso será que tá todo mundo cego essa reforma e um meio de lascar com pobre e os ricos vão continuar mais ricos e os pobres mais pobres será que as pessoas estão cegas e hora de fazer barulho juntarmos nossas forças e hora de unir não de discutir nois brasileiros temos que nos unir não é possível que agente colocou aqueles miseraveis lá p tirar nossos direitos absurdo desumano revoltante

    ResponderExcluir
  16. Esse é nosso Brasil.. .lascado com os pobre ....ainda tem pobre achando que foi bom essa reforma ...daqui um anos vc vai ver que gostoso....parabens pra vcs..

    ResponderExcluir
  17. Eu vejo pessoas brigando e discutindo por causa de políticos de A a Z e esquecendo de brigarem e discutirem por si mesmo
    Hoje pais não querem nem saber que seus filhos e netos vão sofrerem por causa de decisões errada tomadas por eles
    Políticos viraram patrões dos seus eleitores e eu vejo pessoas dando suas vidas por eles e não tão nem aí para os seus,os caras falam o que bem entende e o povo acredita e acata
    Temos uma nação de pessoas onde a maioria não sabe e nem tem interesse de saber o que é e como funciona política e políticos e são justamente os que mais cobram e se matam por isso
    Infelizmente não vejo soluçães pra isso.

    ResponderExcluir
  18. Que TRISTEZA a REFORMA da PREVIDÊNCIA, roubaram a oportunidade de milhões de brasileiros e brasileiras,se aposentarem!! Milhões morreram e não terão acesso a aposentadoria, que é um direito de cada um de nós, não um presente. É descontado do salário de cada um de nós, um valor durante trinta ou mais anos, para um dia podermos da uma parada, e ser devolvido parte de tudo aquilo, que foi recolhido e podermos descansar um pouco, e isso foi sequestrado, pois, vincular idade mínima a tempo de contribuição, na expectativa de vida do povo brasileiro, é um crime contra a humanidade. Que tristeza o Brasil está, mas, a justiça Divina, pesará sobre toda essa raça de víboras, que rouba os direitos dos homens e mulheres honradas desse Brasil. Cairão por terra,pois, quem poupa o grande e comete injustiças com os pequenos, a mão de Deus fará justiça, Amém!! Amados e Amadas irmãs, pense nisso, nem todo aquele ou aquela que diz que é de Jesus, podemos confiar. Tem muita gente enganando as pessoas, dizendo que e de Jesus!! Que o Deus de Abraão, Isaac e Jacó, tenha compaixão de nós nesse Brasil e no Mundo, em nome do Cristo, O Jesus que nasceu em Belém e viveu em Nazaré, o Nazareno!! A nossa Luz!! Amém

    ResponderExcluir
  19. CHEGA A SER ENGRAÇADO VER POBRES DEFENDENDO AS GRANDES APOSENTADORIAS DOS POLÍTICOS E DAS PESSOAS RICAS.

    COM A NOVA PREVIDÊNCIA, ACABAM-SE AS APOSENTADORIAS DE QUEM RECEBE ATÉ R$ 33.800,00 POR MÊS, SÃO OS CASOS DOS RICOS E POLÍTICOS.

    TODOS PASSAM A TER O MESMO LIMITE.
    NINGUÉ RECEBERÁ MAIS DO QUE R$ 5.800,00 POR MÊS.

    OS POBRES NÃO PERDERÃO NADA PORQUE JÁ RECEBEM MENOS E DENTRO DO LIMITE ESTABELECIDO PELA ATUAL E PELA NOVA PREVIDÊNCIA.
    ENTÃO NÃO HÁ POR QUÊ OS POBRES FICAREM PREOCUPADOS.

    O POBRE DEVERIA SER O PRIMEIRO A EXIGIR E LUTAR PELA REFORMA DA PREVIDÊNCIA, POIS É QUEM CORRE GRANDE RISCO DE CHEGAR AO BANCO PARA SACAR SEU DINHEIRO E NÃO TER NADA LÁ NO CAIXA SE A PREVIDÊNCIA FALIR.

    PENSEM UM POUCO, TODO SANTO DIA TEM MUITA GENTE SE APOSENTANDO, E NO BRASIL TEM MILHÕES DE PESSOAS DESEMPREGADAS, QUE POR ISSO MESMO, NÃO CONTRIBUEM PARA A PREVIDÊNCIA. MAS TODOS, EMPREGADOS OU NÃO, NO FUTURO VÃO QUERER SE APOSENTAR.

    DO JEITO QUE ESTÁ INDO VAI TER MAIS APOSENTADOS DO QUE TRABALHADORES DE CARTEIRAS ASSINADAS CONTRIBUINDO PARA A PREVIDÊNCIA. OU SEJA, ATUALMENTE A PREVIDÊNCIA JÁ ESTÁ QUEBRADA E EM POUCOS ANOS ESTARÁ FALIDA TOTALMENTE SE NADA FOR FEITO AGORA PARA EVITAR.

    SE FALIR, SERÁ UM TRISTE ADEUS AO SONHO DA APOSENTADORIA PARA OS ATUAIS TRABALHADORES QUE ESTÃO CONTRIBUINDO PARA A PREVIDÊNCIA.

    OS POLÍTICOS QUE ESTÃO CONTRA A PREVIDÊNCIA, NÃO ESTÃO DEFENDENDO OS POBRES. ELES ESTÃO DEFENDENDO É AS ALTAS APOSENTADORIAS DELES QUE ELES VÃO PERDER. E FICAM USANDO OS POBRES DESINFORMADOS PARA FAZER PRESSÃO CONTRA O GOVERNO HONESTO DE BOLSONARO QUE QUER ORGANIZAR A BAGUNÇA.

    PODEM PROCURAR NO YOUTUBE QUE VOCÊS VÃO ENCONTRAR LULA, DILMA, FHC E TEMER TODOS ELES DEFENDENDO A NECESSIDADE DE SE FAZER A REFORMA DA PREVIDÊNCIA. MAS ELES NÃO TIVERAM CORAGEM PARA FAZER PARA NÃO FICAR MAL COM SEUS ELEITORES.

    SOMENTE BOLSONARO TEVE CORAGEM DE ENFRENTAR ESSE VESPEIRO PARA SALVAR A SUA FUTURA APOSENTADORIA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vc falouuuuuuu tudo

      Excluir
    2. As formigas e baratas fazendo propaganda de inseticidas, assim são os pobres que votaram em Bolsonaro e agora sem entender paxorras, dizem apoiar a reforma da previdência.
      Enquanto isso... O abismo só aumenta entre as classes sócio econômicas. Como diz a mùsica: "o rico cada vez fica mais rico e o pobre cada vez fica mais pobre. O motivo todo mundo já conhece, é que o de cima sobe e o de baixo desce!"

      Excluir
  20. CHEGA A SER ENGRAÇADO VER POBRES DEFENDENDO AS GRANDES APOSENTADORIAS DOS POLÍTICOS E DAS PESSOAS RICAS.

    COM A NOVA PREVIDÊNCIA, ACABAM-SE AS APOSENTADORIAS DE QUEM RECEBE ATÉ R$ 33.800,00 POR MÊS, SÃO OS CASOS DOS RICOS E POLÍTICOS.

    TODOS PASSAM A TER O MESMO LIMITE.
    NINGUÉ RECEBERÁ MAIS DO QUE R$ 5.800,00 POR MÊS.

    OS POBRES NÃO PERDERÃO NADA PORQUE JÁ RECEBEM MENOS E DENTRO DO LIMITE ESTABELECIDO PELA ATUAL E PELA NOVA PREVIDÊNCIA.
    ENTÃO NÃO HÁ POR QUÊ OS POBRES FICAREM PREOCUPADOS.

    O POBRE DEVERIA SER O PRIMEIRO A EXIGIR E LUTAR PELA REFORMA DA PREVIDÊNCIA, POIS É QUEM CORRE GRANDE RISCO DE CHEGAR AO BANCO PARA SACAR SEU DINHEIRO E NÃO TER NADA LÁ NO CAIXA SE A PREVIDÊNCIA FALIR.

    PENSEM UM POUCO, TODO SANTO DIA TEM MUITA GENTE SE APOSENTANDO, E NO BRASIL TEM MILHÕES DE PESSOAS DESEMPREGADAS, QUE POR ISSO MESMO, NÃO CONTRIBUEM PARA A PREVIDÊNCIA. MAS TODOS, EMPREGADOS OU NÃO, NO FUTURO VÃO QUERER SE APOSENTAR.

    DO JEITO QUE ESTÁ INDO VAI TER MAIS APOSENTADOS DO QUE TRABALHADORES DE CARTEIRAS ASSINADAS CONTRIBUINDO PARA A PREVIDÊNCIA. OU SEJA, ATUALMENTE A PREVIDÊNCIA JÁ ESTÁ QUEBRADA E EM POUCOS ANOS ESTARÁ FALIDA TOTALMENTE SE NADA FOR FEITO AGORA PARA EVITAR.

    SE FALIR, SERÁ UM TRISTE ADEUS AO SONHO DA APOSENTADORIA PARA OS ATUAIS TRABALHADORES QUE ESTÃO CONTRIBUINDO PARA A PREVIDÊNCIA.

    OS POLÍTICOS QUE ESTÃO CONTRA A PREVIDÊNCIA, NÃO ESTÃO DEFENDENDO OS POBRES. ELES ESTÃO DEFENDENDO É AS ALTAS APOSENTADORIAS DELES QUE ELES VÃO PERDER. E FICAM USANDO OS POBRES DESINFORMADOS PARA FAZER PRESSÃO CONTRA O GOVERNO HONESTO DE BOLSONARO QUE QUER ORGANIZAR A BAGUNÇA.

    PODEM PROCURAR NO YOUTUBE QUE VOCÊS VÃO ENCONTRAR LULA, DILMA, FHC E TEMER TODOS ELES DEFENDENDO A NECESSIDADE DE SE FAZER A REFORMA DA PREVIDÊNCIA. MAS ELES NÃO TIVERAM CORAGEM PARA FAZER PARA NÃO FICAR MAL COM SEUS ELEITORES.

    SOMENTE BOLSONARO TEVE CORAGEM DE ENFRENTAR ESSE VESPEIRO PARA SALVAR A SUA FUTURA APOSENTADORIA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂 "SOMENTE BOLSONARO TEVE CORAGEM DE ENFRENTAR ESSE VESPEIRO PARA SALVAR A SUA FUTURA APOSENTADORIA"
      😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂
      A minha aposentadoria está garantida há mais de 1 ano, já a sua... O que você vai escolher: 1- morrer de trabalhar? Ou
      2- trabalhar até morrer?
      São apenas essas alternativaa que restaram para os pobretões alienados, zumbís, MASSA DE MANOBRA, os verdadeiros IDIOTAS ÚTEIS que serviram de moeda de troca e elegeram esse Débi & Lóide. (Bozo e Mourão podre)

      Excluir

MATÉRIAS ASSINADAS , com FONTE, são de responsabilidade de seus autores.

contatos blog: whats: (77) 98128-5324

ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK