CONTADOR GOOGLE: 16 MILHÕES DE ACESSOS!

CURTA O ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK

SUPERMERCADO ADONAI - AV. AMÉRICO NOGUEIRA, CLODOALDO

KITANDA E MERCEARIA MOTA - Direção MIRALDO MOTA

SUPERMODA - NA ALAMEDA RUI BARBOSA

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

PAX PERFEIÇÃO - QUEM É VIVO SE ASSOCIA!

PAX PERFEIÇÃO - QUEM É VIVO SE ASSOCIA!

quarta-feira, 13 de março de 2019

MÃE AFIRMA: BULLYING FORÇOU ATIRADOR DE SUZANO PARAR DE ESTUDAR

 Veja- A mãe de Guilherme Taucci, de 17 anos, um dos atiradores do massacre na Escola Estadual Professor Raul Brasil, em Suzano, na Grande São Paulo, afirmou que o filho sofria bullying e esta foi a causa para ele largar os estudos.
Em rápido relato ao programa Brasil Urgente, da TV Bandeirantes, ela, que não quis se identificar, disse que não entende as razões que poderiam ter motivado o ato do filho, mesmo ciente dos problemas que o adolescente passou na escola. A mulher elogiou o comportamento do jovem: “Era um ótimo filho. Uma criança tranquila”.
Ainda de acordo com a reportagem, a mãe de Guilherme é usuária de drogas; ele foi criado pelos avós e, há cerca de um mês, a avó dele faleceu. O avô ainda é vivo e morava com o rapaz. Incomodada, ela reforçou que não sabe as causas do massacre: “Minha família é de paz, isso é muito estranho. Também quero saber por que ele fez isso."

8 comentários:

  1. Tranquilo em casa? A senhora tinha um psicopata assissino em casa e não percebeu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem tem "boca" fala o que quer.
      Quem é entendido do assunto jamais faria esse tipo de acusação.
      NINGUÉM reconheceria um psicopata por conviver com ele! Se assim fosse, eles não teriam tanta astúcia.
      Não acuse quem não merece! Os próprios vizinhos falaram da surpresa pelo episódio ppr tratar de um menino aparentemente "tranquilo".

      Excluir
  2. Meu Deus esse ano tá pesado e tanta tragédia mortes e mortes ate quando essa violência não estamos nem na metade do ano e só tragédia e violência pedi paz aos homens paz na terra amor respeito ao próximo só isso pode acabar com violência enquanto tiver ódio avera tragédia nesse mundo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ódio gera tragédia!
      Vivemos a energia que propagamos. Final de 2018 foi marcado por muita energia negativa. O ódio tomou conta de muitos corações no país, essa força do mal foi liberada para a atmosfera e como nosso planeta é passível da Lei Gravitacional, o que um dia subiu, logo descerá, ppr isso as energias ruims que foram lançadas agora despencam sobre a nação brasileira, como efeito da Lei do Retorno ou Lei da Semeadura.
      Só pra frisar, "quem espalhou vento, colherá tempestade".

      Excluir
    2. Final de 2018? Vai dizer que isso é a primeira vez que acontece? Deixa de ser idiota, isso já aconteceu inúmeras vezes inclusive aqui no Brasil como agora a pouco tempo em realengo... o coração mal e a falta de temor a Deus existe desde a criação do homem..

      Excluir
  3. Ele tinha transtorno mental e a familia não percebeu

    ResponderExcluir
  4. A mãe queixa q ele deixou de estudar por causa do bullying e o parceiro dele deixou pq?agora ele é vítima e os que ele matou que é bandidos?se essa moda pega muitos vai sair por aí matando.Falta de Deus

    ResponderExcluir
  5. Bolsonaro e seu discurso fascista deu carta branca a todos os sociopatas e psicopatas manifestarem seus desejos mais íntimos.

    ResponderExcluir

MATÉRIAS ASSINADAS , com FONTE, são de responsabilidade de seus autores.

contatos blog: whats: (77) 98128-5324

ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK