CONTADOR GOOGLE: 16 MILHÕES DE ACESSOS!

CURTA O ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK

SUPERMERCADO ADONAI - AV. AMÉRICO NOGUEIRA, CLODOALDO

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

KITANDA E MERCEARIA MOTA - Direção MIRALDO MOTA

TATHIAGO DIGITAL - TUDO EM ELETRÔNICOS!

SUPERMODA - NA ALAMEDA RUI BARBOSA

sábado, 10 de novembro de 2018

SENADO APROVA CORTE DE 50% EM FUNDO PARA EDUCAÇÃO

Brasília – O Senado cortou pela metade uma das fontes de recursos do Fundo Social do Pré-Sal, destinado a investimentos em saúde e educação.
Por meio de um projeto de lei, os senadores destinaram 50% dos recursos vindos da comercialização do petróleo do pré-sal, que iriam integralmente para o Fundo Social, para outro fundo, voltado para expansão de gasodutos e para o fundo de participação de Estados e municípios. A proposta ainda precisa passar pela Câmara.
O Brasduto contará com 20% dos recursos da comercialização do petróleo do pré-sal. Outros 30% serão
destinados aos fundos de participação de Estados e Municípios. O fundo dos gasodutos ainda poderá contar com recursos do Orçamento.

7 comentários:

  1. Não vejo nada demais, considerando o que o governo já investe, por que não basta quantidade, mas qualidade no investimento, direcionando certo os recursos do que investir dinheiro perdido para um Zé Povinho preguiçoso, que vai para só estuda se o governo der bolsa escola, e mesmo assim abandona os estudos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando o governo retira valores da educação e saúde é na qualidade que mexe. Pelo visto vc ñ sabe que os recursos destinados à educação já vêm com a determinação em quê usá-los. É impressionante a ignorância de um ser humano ao achar que não é nada demais retirar de onde já peleja! Educação de qualidade (e isso não refere apenas à formação do professor, mas todo o aparato que envolve como (estrutura, condições de higiene, equipamentos etc).
      A charada é fácil de desvendar: o senado que aumenta seus salários de R$33.000,00 para R$39.000,00 é o mesmo que nete a mão nas verbas destinadas à educação e saúde, o que me entristece é ter pessoas comuns que apoiam tal conduta. De fato o maior problema do Brasil é o brasileiro.

      Excluir
    2. Se você não vê nada demais é provável que esteja condenada a uma doença terminal chamada BURRICE e com uma infecção fatal chamada INDIFERENÇA.
      Ass: Físico autônomo

      Excluir
    3. A julgar pelo seu texto, estamos mesmo carentes de qualidade dos investimentos. Principalmente no ensino de textos simples, redação e domínio da escrita.

      Excluir
  2. Para o STF..aumento absurdo de salário e mais despesa nos cofres públicos. Para o povo...corte de benefícios. Parabéns ao nosso senado.

    ResponderExcluir
  3. Bando de fdp logo a educação que já não tem nada..maldição meu povo parem de votar em quem não lhe representa parem com ricos no poder....burros..arcade....

    ResponderExcluir
  4. Poxa velho uma grande tristeza pq os professores já não tem um encentivar no cumprir com suas obrigações,pq ser professor não é mole nao,pq educação comeca em casa,eles já recebem tantos palavrões,alguns ate apanham,sem contar que escolas em tempo integral,com uma boa qualidade,em ensino,cursos,esportes e cultura é de grande encentivo,na formação do adolescente a um jovem,a saúde então,não tenho palavras para expressar a calamidade que vivemos,em um pais tão rico,mas com politicos tão corruptos, é uma pena os brasileiros fechar os olhos para uma cachorrada dessa,fico triste pq o pobre é quem se ferra e se ele não tiver Deus com ele meu amigo e pior umas três mil vezes ao quadrado.

    ResponderExcluir

MATÉRIAS ASSINADAS , com FONTE, são de responsabilidade de seus autores.

contatos blog: whats: (77) 98128-5324

ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK