CONTADOR GOOGLE: 16 MILHÕES DE ACESSOS!

LOJAS PREMIADAS NA REGIÃO

LOJAS PREMIADAS NA REGIÃO

CURTA O ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK

FRIGORÍFICOS SUDOESTE

FRIGORÍFICOS SUDOESTE

KITANDA E MERCEARIA MOTA - Direção MIRALDO MOTA

KITANDA E MERCEARIA MOTA - Direção MIRALDO MOTA

TATHIAGO DIGITAL - TUDO EM ELETRÔNICOS!

TATHIAGO DIGITAL - TUDO EM ELETRÔNICOS!

SUPERMODA - NA ALAMEDA RUI BARBOSA

SUPERMODA - NA ALAMEDA RUI BARBOSA

sábado, 28 de janeiro de 2017

SURTO DE FEBRE AMARELA DEVE ATINGIR DIVERSAS ÁREAS DO BRASIL - INCLUSIVE A BAHIA.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) informou, através da Folha, que o surto de febre amarela deve ultrapassar os limites de Minas Gerais e atingir diversas regiões do país, como Espírito Santo e São Paulo. Em informe desta sexta-feira (27), a entidade anunciou que as autoridades brasileiras estão tomando medidas apropriadas para conter o surto, mas reforça a necessidade de vacinação nas áreas de risco. "É esperado que casos adicionais serão detectados em outros Estados do Brasil considerando-se o movimento interno de pessoas e macacos infectados e o baixo nível de cobertura
vacinal em áreas que antes não eram consideradas de risco para transmissão de febre amarela", diz o informe da organização.
O vírus da febre amarela é transmitido no Brasil por mosquitos silvestres, que circulam apenas em regiões de mata. Desde 1942 hão há registro de transmissão pelo mosquito Aedes aegypti, o inseto vetor de dengue e zika que circula nas cidades. Até a última sexta-feira (27), o Brasil registrou 101 casos confirmados, dos quais 97 em Minas Gerais, 3 em São Paulo e um no Espírito Santo. Há ainda suspeitas na Bahia, Goiás e Mato Grosso do Sul. 
É o maior surto da doença desde 1980, quando teve início a série histórica.
Bahia noticias

3 comentários:

  1. Estou amamentando sra que posso tomar, vi materia que gestante lactante,criança com menos SS 6 meses não pode tomar

    ResponderExcluir
  2. Sendo a Bahia um dos estados de risco, porquê não liberam as vacinas para a população? O que estão esperando, que haja mortalidade em massa?
    Oa postos de saúde estão restringindo, sabe-se lá sobre ordem de quem, o número de doses da vacina. O posto da Vila Riachão está com uma escala ridícula, de liberararem 10 dose a cada quarta feira, independente da necessidade da pessoa. Isso é um absurdo! Desse jeito, uma epidemia dizima a população rapidamente, porque de uma semana para outra, a proliferação acontece.
    E A MATINHA, É OU NÃO UM FATOR DE RISCO?
    Se é o mesmo mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunia, e sendo o macaco o hospedeiro trasmissor, nossa cidade precisa vacinar toda a população. Essas enfermeiras ou agentes de endemias que ficam controlando as doses de vacinas, perguntem se nas famílias delas existe alguém q ainda não tenha sido vacinado? Fique de olho secretária de saúde! Depois não diga q não sabia da venda de doses das vacinas por agentes dos PSFs. Fica o desabafo.

    ResponderExcluir
  3. Gente, é sério!
    Itarantim e Maiquinique estão na lista de cidades de risco de incidência da febre amarela! Itapetinga precisa agir rapidamente! Onde foram parar as vacinas que nunca faltavam nos postos de saúde? Essa história está esquisita demais!
    População, fiquemos de olho (0/0)

    ResponderExcluir

ITAPETINGA AGORA O BLOG MAIS ACESSADO DO MÉDIO SUDOESTE DA BAHIA

Redação e Edição: Tiago Bottino J. Brige
whatsApp: (77) 98128-5324

ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK