CONTADOR GOOGLE: 16 MILHÕES DE ACESSOS!

CURTA O ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK

LOJAS PREMIADAS NA REGIÃO

LOJAS PREMIADAS NA REGIÃO

FRIGORÍFICOS SUDOESTE

FRIGORÍFICOS SUDOESTE

MORUMBI PNEUS - NO PARQUE DA LAGOA!

MORUMBI PNEUS - NO PARQUE DA LAGOA!

R$ 1,99 É NA FEIRA DO LAR!

R$ 1,99 É NA FEIRA DO LAR!

domingo, 3 de julho de 2016

DOM ZANONI SE ENCONTRA COM O PAPA FRANCISCO NO VATICANO E RECEBE O PALLIUM

O ARCEBISPO DOM ZANONI DEMETTINO JÁ FOI PÁROCO DA IGREJA SÃO JOSÉ, DE ITAPETINGA.
No último dia 29 de junho, na Celebração da festa dos Apóstolos São Pedro e São Paulo no Vaticano, o Arcebispo de Feira de Santana, Dom Zanoni Demettino Castro, que já foi pároco da Igreja de São José aqui em Itapetinga-BA, muito querido em nossa cidade e região, recebeu das mãos do Papa Francisco o Pallium (em português Pálio).
Vídeo da Cerimônia no Vaticano
O Pálio é uma espécie de colarinho de lã branca, com cerca de 5cm de largura e dois apêndices – um na frente e outro nas costas. Possui seis cruzes bordadas em lã preta: quatro no colarinho e uma em
cada um dos apêndices. É confeccionado pelas monjas beneditinas do Mosteiro de Santa Cecília, em Roma, utilizando a lã de dois cordeiros que são oferecidos ao Papa no dia 21 de janeiro de cada ano na Solenidade de Santa Inês. A ligação com ovelhas lembra “Cristo, o bom pastor” que carrega as ovelhas dispersas sobre seus ombros. Similarmente, o pálio é uma advertência aos arcebispos de que eles também devem ser bons pastores sempre atentos às ovelhas desgarradas. Ele os chamou a carregar as ovelhas em seus ombros.
Uma vez confeccionados, os pálios são abençoados pelo Papa, guardados numa arca junto ao tumulo do Apóstolo São Pedro, o primeiro Papa da Igreja, e entregues no dia 29 de junho de cada ano, na Solenidade de São Pedro e São Paulo, aos Arcebispos nomeados após a celebração do ano anterior.
Somente o Papa pode conceder o pálio que significa a jurisdição de um arcebispo metropolitano, além de uma comunhão especial que o receptor partilha com o papa e a Igreja de Roma. A mais antiga referência ao pálio procede do pontificado do papa Marcos (336 d.c.), que conferiu o pálio ao bispo de Óstia. O uso do pálio, que nos primeiros séculos do Cristianismo era exclusivo dos Papas, passou a ser usado pelos Bispos Metropolitanos a partir do século VI, tradição que perdura até aos nossos dias.
O Papa Francisco instituiu uma mudança na imposição do pálio aos novos Arcebispos. Com uma carta datada de 12 de janeiro de 2015, o Mestre das Celebrações Pontifícias, Mons. Guido Marini, informou que a faixa de lã branca será somente entregue e não colocada pelo Santo Padre. A imposição do pálio será realizada nas respectivas arquidioceses pelo Núncio Apostólico no país.
“O significado desta alteração é colocar em maior evidência a relação dos bispos metropolitanos com a sua Igreja local e, assim, dar também a possibilidade a mais fiéis de estarem presentes neste rito tão significativo para eles, e também particularmente aos bispos das dioceses sufragâneas que, deste modo, poderão participar do momento da imposição. Neste sentido, mantém-se todo o significado da celebração de 29 de junho, que sublinha a relação de comunhão e também de comunhão hierárquica entre o Santo Padre e os novos arcebispos; ao mesmo tempo, a isto se acrescenta – com um gesto significativo – esta ligação com a Igreja local”, explicou Mons. Marini à Rádio Vaticano
 de D. Zanoni, mais três brasileiros receberam o Pálio: Dom Roque Paloschi, de Porto Velho (Rondônia), Dom Rodolfo Luís Weber, de Passo Fundo (Rio Grande do Sul) e Dom Darci José Nicioli, C.SS.R. de Diamantina (Minas Gerais). 

Referências Consultadas

Blog Sentinela no Escuro – Vinícius Farias. 
Pálio, a expressão da missão apostólica -  Formação – site Canção Nova.
Rádio Vaticana News.

Colaboração na Matéria: Leandro Martins de Jesus.

14 comentários:

  1. Parabéns Tiago, pela matéria.

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. Grande bosta para vc protestante invejoso com dor de cotovelo

      Excluir
  3. parabéns pela matéria.

    ResponderExcluir
  4. Interessante,os ritos da igreja católica parece muito com a maçonaria

    ResponderExcluir
  5. Enfim uma noticia boa em meio a tantas tragedias. parabéns Simmmm. E que se roam os protestantes. ha ha ha

    ResponderExcluir
  6. Para quem não respeita a Fé Cristã, só ficando caladinho, ja está bom demais!!!

    ResponderExcluir
  7. Parabéns a Tiago pela matéria, e ao querido Dom Zanoni. Os "crentes" ficam se doendo,kkkkk.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se doendo não, se lamentando

      Excluir
  8. Os ritos de cada denominação religiosa deve ser respeitada por qual quer que seja a pessoa, agora ficar dizendo besteira não estar certo não, meu querido (a), é bom buscar muitas referencias nas Sagradas Escrituras, pois quem juga será jugado pelo Senhor Jesus Cristo da mesma maneira que vc juga seu semelhante aqui na terra, por favor muito cuidado no que vc anda postando, pode ser causa do seu julgamento, dê respeito para ter respeito. os Pastores ou Padres seja qual for a denominação de cada religião dada aos representantes de Deus na terra é bom ter respeito por todos pois por imposição das mãos ele foi nomeado o representante de Deus aqui na terra para conduzir o rebanho ao aprisco do Senhor. Sou o bom pastou e dou a vida pela as ovelhas, as ovelhas ouvem minha voz e as mim conhece. Uma boa tarde a todos.
    Ass: Sergio Alves

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faço minhas suas palavras você está de parabéns por ter essa opinião isso mostra que você conhece e entende a palavra de Deus e sabe também que independentemente de qualquer religião servimos a um só Deus que é o Deus vivo que nos deu a vida e nos tornou irmãos em Cristo!!!!

      Excluir
  9. Sinto saudades de suas celebrações, começavam sempre assim: Deus nuns salve Deus, Deus salve essa casa onde mora Deus,muita saudade!!

    ResponderExcluir
  10. Sou bom Pastor ovelhas guardarei não tenho outro oficio e nem terei,quantas vidas estiver eu te darei. Saudades Dom Zanone

    ResponderExcluir
  11. Dom Zanoni Demettino Castro, siga o seu sacerdócio, na Arquidiocese de Feira da Santana, Bahia, e que Nossa Senhora Santana, padroeira da Arquidiocese, interceda junto ao Santo Espírito de Deus, na sua sua nova caminhada.Muita paz e luz.

    ResponderExcluir

ITAPETINGA AGORA MAIS DE 18 MILHÕES DE ACESSOS www.itapetingaagora.com

ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK