CONTADOR GOOGLE: 16 MILHÕES DE ACESSOS!

CURTA O ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK

FRIGORÍFICOS SUDOESTE

PATROCINE O BLOG MAIS ACESSADO DE ITAPETINGA

PATROCINE O BLOG MAIS ACESSADO DE ITAPETINGA

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

KITANDA E MERCEARIA MOTA - Direção MIRALDO MOTA

LOJAS REZENDE - OS MELHORES PREÇOS DE ITAPETINGA

TATHIAGO DIGITAL - TUDO EM ELETRÔNICOS!

SUPERMODA - NA ALAMEDA RUI BARBOSA

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

BEBE MORRE DE FOME AO SER ABANDONADA EM CASA PELA MÃE USUÁRIA DE DROGAS.

 
Uma bebê de cinco meses morreu depois de ser abandonada dentro de casa pela própria mãe em Pontes e Lacerda, distante 450 km de Cuiabá (MT). A mulher é usuária de drogas e deixou a filha sozinha por quatro dias. Uma das filhas da suspeita havia pedido ajuda para internar a mãe no início deste ano, mas não foi atendida.
Sonelir Rodrigues da Silva, de 42 anos, saiu de casa na quarta-feira (2) e deixou a menina sozinha no berço, com o ventilador ligado e a luz acesa. Apenas no domingo (6), o primo dela decidiu ir até a
casa e arrombar a porta.
Siama Rodrigues da Silva, irmã da vítima, já havia feito pedido para o estado internar a mãe, pois ela não tinha condições de cuidar da criança. Ela queria que a mulher fosse internada em uma clínica de reabilitação. Porém, não foi atendida. Segundo a jovem, a mãe teve sete filhos, dos quais cinco estavam em abrigou ou adotados.
Solenir era usuário de diversos tipos de drogas e chegou a ser flagrada pelos filhos tomando álcool com açúcar. De acordo com a jovem, na época em que pediu ajuda, a mãe estava grávida de seis meses e não tinha feito nenhuma consulta de pré-natal. A mulher afirmava que iria dar a criança para qualquer um que a quisesse.
Sonelir prestou depoimento à polícia e foi liberada. O delegado Felipe Leoni entendeu que ela não tinha condições de assumir os próprios atos por que estava sob efeito de drogas. O delegado pediu com urgência a internação da usuária. O laudo da perícia apontou que a menina morreu de sede e de fome. Sonelir já havia sido presa algumas vezes por tráfico de drogas e brigas, informou a polícia. 
R7

10 comentários:

  1. que pena que ninguem percebeu a tempo para socorrer e livrar a crianca dessa . tragedia absurda...

    ResponderExcluir
  2. Nossa que mamãe e essa gente , Eu querendo um filho pra mim da amo e Deus não mim da essa coisa maravilhosa pra mim, mas que o senhor da um bom lugar pra esse anjinho.

    ResponderExcluir
  3. brasil esse e o nome do nosso pais que mais uma vez deixou uma vida perdida porque não atendeu um pedido de ajuda agora depois da tragedia vai providenciar,isso poderia ser evitado justiça de merda e autoridades que so usam o seu poder para se beneficiar nunca para ajudar pessoas humildes e desesperadas que realmente precisam.

    ResponderExcluir
  4. agora essa praga viciada vai ser mantida pelo dinheiro de quem trabalha enquanto ela enche o cabo de drogas.deveria ser atada e morrer de fome como fez com a criança..sei que vai aparecer uma almazinha para defender essa praga,mas para a criança ninguem vai defender... aborto da natureza..

    ResponderExcluir
  5. Que situação está o nosso país!

    ResponderExcluir
  6. Muito triste. Que Deus tenha misericórdia dessa alma. E que a criancinha esteja nos braços de Jesus.

    ResponderExcluir
  7. Cuidar de bebê ela não sabe. Mas trepar z sabe até demais.
    Kenga.
    Dar uma surra nessa vagaba

    ResponderExcluir
  8. o mais trite dessa história è que o delegado esperou acontecer essa tragedia pra depois pedir urgência na internação da drogada!! lamentàvel esse nosso pais !! fujaaaaa...

    ResponderExcluir
  9. deicha ela com fome uma semana para sentir na pele o gostinho da morti .tambem aposto q ainda e ptotegida si foci o pai ja teriao linchado ne porq homens ja sao considerados monstros.mas por ser mulher vai ser protegida.

    ResponderExcluir

ITAPETINGA AGORA O BLOG MAIS ACESSADO DO MÉDIO SUDOESTE DA BAHIA

Redação e Edição: Tiago Bottino J. Brige
whatsApp: (77) 98128-5324

ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK