CONTADOR GOOGLE: 16 MILHÕES DE ACESSOS!

CURTA O ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK

FRIGORÍFICOS SUDOESTE

PATROCINE O BLOG MAIS ACESSADO DE ITAPETINGA

PATROCINE O BLOG MAIS ACESSADO DE ITAPETINGA

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

O SINDICATO DOS TRABALHADORES DA AZALÉIA

KITANDA E MERCEARIA MOTA - Direção MIRALDO MOTA

LOJAS REZENDE - OS MELHORES PREÇOS DE ITAPETINGA

TATHIAGO DIGITAL - TUDO EM ELETRÔNICOS!

SUPERMODA - NA ALAMEDA RUI BARBOSA

domingo, 7 de junho de 2015

DIA D - A INVASÃO DA NORMANDIA COMEMORA 70 ANOS

70 anos separam estas imagens em preto e branco das imagens coloridas.

Há 70 anos, terça-feira, 6 de junho de 1944, teve lugar o desembarque na Normandia (também conhecido como Dia-D). Evento este, que marcou o início da invasão das forças aliadas na França, que estava sob ocupação alemã durante a segunda guerra mundial.
Querendo comemorar este evento histórico, o fotógrafo da Reuters, Chris Helgren, tentou fazer novas fotos nos mesmos lugares para fotografar como eles são hoje.

 SALDO SANGRENTO COM 445 MIL MORTOS
+ FOTOS









Todas as baixas da operação (entre mortos, feridos e desaparecidos)
 Há 70 anos, no dia 6 de junho de 1944, cerca de 5,4 mil soldados perderam a vida num dos episódios mais importantes da 2ª Guerra Mundial. Foi o início do ataque de exércitos aliados a tropas alemãs na Normandia, litoral norte francês. Cerca de 6.900 navios, 5.500 aviões e 160 mil soldados (incluindo 13 mil paraquedistas) dos EUA, Grã-Bretanha e Canadá cruzaram o Canal da Mancha, vindos da Inglaterra, para iniciar a operação Overlord, cujo objetivo era expulsar os nazistas do oeste europeu. A campanha durou quase 90 dias e custou a morte de 445 mil pessoas (entre soldados e civis) até a chegada dos aliados a Paris, em agosto. A derrota na França acuou os exércitos de Hitler e encaminhou o fim da guerra.

Do céu ao inferno

Dentre as baixas aliadas, 1.200 delas foram de paraquedistas. Muitos deles, porém, podem ter caído longe do alvo, sumido por muito tempo e se juntado às tropas de novo
Ensaio desastrado

Nos treinamentos, simulações e locais "falsos" de saída da armada - criados para confundir os nazistas sobre por onde os aliados invadiriam o território francês - 12 mil perderam a vida entre abril e maio de 1944. A força aérea aliada perdeu 2 mil aeronaves durante as preparações

Aliados

EUA, Grã-Bretanha e Canadá tiveram 4.413 soldados mortos no Dia D. Foram 2.499 norte-americanos, 1.660 britânicos e 340 canadenses. Só na praia de codinome Omaha, uma das cinco escolhidas para o desembarque das tropas, houve 2 mil baixas para os EUA

Nazistas

Imagine um soldado aliado participando de uma operação para libertar outro país (França) defendido por soldados de uma terceira nacionalidade (alemã). A contagem de baixas inimigas não era uma prioridade para os invasores. Por isso, a estimativa de mortes nazistas foi de apenas 1.000

Civis

Entre 15 e 20 mil franceses são contados como baixas. A maioria deles morreu vítima de bombardeios na madrugada da invasão. Esse número também contabiliza os franceses que saíram de casa para escapar do conflito

Território marcado

Hoje existem 27 cemitérios de guerra na região da Normandia, com cerca de 110 mil mortos enterrados (não só do Dia D). O total de heróis conta com 77.866 alemães, 9.386 norte-americanos, 17.769 britânicos, 5.002 canadenses e 650 soldados poloneses

4.413 aliados

5.413 mortos

1.000 nazistas

Operação Overlord

Aliados - 209 mil baixas

Nazi - 216 mil baixas

FONTES Sites ddaymuseum.co.uk e nationalww2museum.org e livros Overlord - The D-Day Landings, de Ken Ford e Steven J. Zaloga, e Normandy - Breaching the Atlantic Wall, de Dominique François

3 comentários:

  1. São uma raça de badidos esses miseráveis

    ResponderExcluir
  2. Isso aí botinno , gostei !
    A 2a guerra mundial realmente foi um episódio que jamais deverá se repetir na humanidade novamente. E para isso , é preciso que as crueldades da guerra sejam escancaradas , mostradas até a alma, as crueldades de Stalim e de Hitler , assim como daquele ditador Italiano foi algo que jamais deve ser esquecido .

    Tu esqueceu de botar as fotos de alguns judeus nos campos de concentração , o sangue , a carnificina .

    ResponderExcluir
  3. Amei a reportagem/homenagem, é muito bom saber que seu site tem dado espaço pra cultura e educação, Parabéns !

    ResponderExcluir

ITAPETINGA AGORA O BLOG MAIS ACESSADO DO MÉDIO SUDOESTE DA BAHIA

Redação e Edição: Tiago Bottino J. Brige
whatsApp: (77) 98128-5324

ITAPETINGA AGORA NO FACEBOOK